Jogo 5.772: Apitagem assegura empate para o Chorolado na Arena

corinthians 1 x 1 internacional

Corinthians e Internacional empataram por 1 x 1 na tarde deste domingo em Itaquera graças a um erro crasso da apitagem.

O Chorolado abriu o placar no fim do primeiro tempo com Leandro Damião, em clamoroso impedimento. Além do autor do gol irregular, mais três jogadores do Inter estavam impedidos no lance, mas o bandeirinha achou melhor correr para o meio de campo a ter que aguentar choro colorado e problemas com a comissão de arbitragem pelo restante da carreira.

E ainda teve comentarista cara-de-pau alegando que o erro foi da defesa do Corinthians, e não da arbitragem, mas vamos em frente. Mais um lance para o DVD.

O gol irregular deu ao Inter uma vantagem que não refletia o jogo, até ali extremamente equilibrado. O Corinthians jogava bem, marcava sob pressão e chegava com perigo ao gol defendido por Marcelo Lomba, mas parava na confiança ainda em reconstrução depois dos acontecimentos dos últimos meses.

O empate veio no início do segundo tempo, quando Douglas aproveitou rebote de cabeçada de Romero para marcar seu primeiro gol com o manto alvinegro.

Ainda que não tenha conseguido virar o placar como na rodada anterior, o Corinthians de Jair Ventura já começa a mostrar algum padrão e bastante organização. O ponto fraco está nas atuações abaixo do nível da crítica de Danilo Avelar.

Para a sequência alvinegra em 2018, se no jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil a retranca foi suficiente para segurar o Flamengo no Maracanã, a expectativa agora é de que no jogo de volta, marcado para quarta-feira em Itaquera, o Corinthians volte a mostrar avanços suficientes para chegar pela sexta vez em sua história à final do torneio.


Artilheiro do jogo: Douglas |
Contra o Inter-RS |
O Corinthians em 2018 |
Pelo Campeonato Brasileiro |
Em Itaquera |
Sob o comando de Jair Ventura |
O Corinthians em 108 anos de história |


4 thoughts on “Jogo 5.772: Apitagem assegura empate para o Chorolado na Arena

  1. O juiz desta partida não foi o mesmo daquele jogo contra o Flamengo que anulou um gol do Jô, alegando impedimento, sendo que o corinthiano estava a três metros atrás da linha da bola? Seria bom recomendar um oculista pra esse cego. Ou então a cadeia pra esse safado. Das duas, uma.

    • Não sei se o bandeirinha era o mesmo, Marinho, mas o árbitro era outro. Aquele lá vai apitar quarta-feira a semi da Copa do Brasil com o mesmo Flamengo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *