Jogo 5.507: Timão bate SPFC em quarta-feira mais alvinegra que de cinzas

corinthians 2 x 0 saopaulo

O Corinthians bateu o São Paulo por 2 x 0 na noite desta quarta-feira mais alvinegra que de cinzas em Itaquera e saiu na frente na fase de grupos da Libertadores. Continue reading

Jogo 5.506: Corinthians vence Botafogo-RP na estreia de Vágner Love

corinthians 2 x 1 botafogorp

Um Corinthians remendado perdeu uma cacetada de chances de gol na virada da tarde pra noite deste sábado em Itaquera, mas dois pênaltis convertidos por Fábio Santos, o batedor oficial, asseguraram o triunfo alvinegro sobre o Botafogo de Ribeirão Preto.

Dois pênaltis claríssimos, diga-se. O gol do Botafogo saiu de um erro de marcação lamentável depois de um lateral invertido pela arbitragem. O Corinthians mantém assim a boa campanha no Campeonato Paulista enquanto se prepara para o pega-pra-capar contra o São Paulo na Libertadores.

O jogo de hoje viu ainda a estreira de Vágner Love pelo Timão. Parece que ele sabe onde está pisando, mas é sempre prudente esperar pra ver.


Artilheiro do jogo: Fábio Santos (2) |
| Contra o Botafogo-RP |
Em Itaquera |
Na história do Campeonato Paulista |
Sob o comando de Tite |
O Corinthians em 2015 |
O Corinthians na história |


Jogo 5.504: Juiz expulsa Cássio e nem assim impede vitória alvinegra no Chiqueirão

palmeiras 0 x 1 

O Corinthians derrotou o árbitro Raphael Clauss na tarde deste domingo na Allianz Arena e, de quebra, ganhou de 1 x 0 do Palmeiras no primeiro confronto entre os dois clubes no Novo Porcódromo.

O Timão jogava bem e vencia por 1 x 0, gol marcado pelo jovem Danilo após bobeada da defesa porcolina, quando o árbitro resolveu transformar-se no centro das atenções.

No início do segundo tempo, um pouco por pressão da torcida e outro tanto por abuso de autoridade, o sujeito do apito amarelou Cássio depois de ter autorizado o goleiro alvinegro a amarrar as chuteiras. Minutos depois, num bate-boca, o juizinho resolveu abusar um tanto mais de sua autoridade e expulsou o goleiro corinthiano.

Se o que queria era estragar o jogo, Rafael Clauss conseguiu. O jogo, que era bom, transformou-se num treino de ataque contra defesa. O mais provável, porém, é que o juiz tivesse outras intenções.

A arbitragem começou 2015 com a corda toda, mas o Corinthians não tem se dado por vencido. Vamos ver se a roubalheira anticorinthiana vai se conter ou se vamos ter que derrotar um juiz por jogo este ano.

Falando agora em retrospecto, o Corinthians está apenas a uma vitória de empatar o confronto direto com o Palmeiras pela primeira vez em décadas. Segundo a contagem das assessorias de imprensa de Corinthians e Palmeiras, o confronto está empatado.

Na realidade, porém, o Timão ainda está a uma vitória de empatar o clássico. Ainda não se sabe ao certo o motivo do erro na conta das assessorias, mas os registros disponíveis nas fontes mais confiáveis (os impecáveis almanaques de Corinthians e Palmeiras) comprovam a ligeira vantagem alviverde.

Se tudo correr bem, o Corinthians retoma a vantagem ainda em 2015. Vai, Corinthians!


Artilheiro do jogo: Danilo |
Contra o Palmeiras |
| No Allianz Parque |
Na história do Campeonato Paulista |
Sob o comando de Tite |
O Corinthians em 2015 |
O Corinthians na história |