Jogo 5.673: Timão goleia o Vasco em São Januário

vasco 2 x 5 corinthians

O Corinthians recuperou a liderança provisória do Campeonato Brasileiro de 2017 e chegou à marca de 20 vitórias no ano ao golear o Vasco da Gama por 5 x 2 na noite desta quarta-feira em São Januário em um jogo de acontecimentos improváveis.

No mesmo jogo em que sofreu em dois minutos mais gols do que em todos os outros jogos juntos disputados até agora pelo Brasileirão, o Timão marcou em apenas uma partida o mesmo número de gols feitos em todas as outras juntas.

O Corinthians não vencia o Vasco da Gama em São Januário desde 2006. Seis jogos foram disputados neste intervalo. E a invencibilidade no estádio mudou de lado. Agora faz cinco jogos (desde 2010) que o Timão não perde do Vasco na colina. Foi também a segunda goleada imposta pelo Corinthians ao Vasco em 2017. A primeira ocorreu logo no primeiro jogo do ano, na pré-temporada disputada nos Estados Unidos.

Em um primeiro tempo cirúrgico, o Timão abriu 2 x 0 fora de casa com Marquinhos Gabriel e Jô, completando passe magistral de MG. No início da segunda etapa, sem dar tempo para respirar, o Vasco empatou com dois gols em apenas dois minutos. E por pouco não virou aos três.

O time que havia sofrido apenas um gol em quatro jogos levou dois pelo alto num intervalo de pouco mais de um minuto. Qualquer que tenha sido a estratégia estabelecida por Fábio Carille, ela já não cabia mais.

O Corinthians então se ajeitou em campo e chegou ao terceiro gol dom Maycon. O lance desestimulou o Vasco e o Corinthians se recompôs. Nos minutos finais, Clayton saiu do campo para desencantar e fazer dois gols e dar números finais à terceira vitória em três jogos fora de casa no Brasileiro deste ano.


  | Artilheiros do jogo: Marquinhos Gabriel, Jô, Maycon e Clayton (2) |
| Contra o Vasco |
O Corinthians em 2017 |
| Em São Januário |
| Na história do Campeonato Brasileiro |
Sob o comando de Fábio Carille |
O Corinthians em 106 anos de história |


5 thoughts on “Jogo 5.673: Timão goleia o Vasco em São Januário

  1. Esse jogo foi mais uma prova de que o improvável acontece. O Corinthians sofreu dois gols numa partida e ao mesmo tempo marcou cinco. Só vi o segundo tempo e foi um jogo aberto, bem diferente da característica defensiva do time treinado pelo Carille. Romero não estava em campo e, com isso, o time perdeu parte do seu poder de marcação. Por outro lado, com Clayson, o time ganhou em poder ofensivo. O fato é que o segundo tempo foi um jogaço de bola, com cinco gols e o Timão tocando muito bem a bola. Sem quatro titulares (Balbuena, Fagner, Rodriguinho e Romero), o Corinthians saiu-se muito bem no seu primeiro teste de elenco nesse Brasileiro. É fato que o adversário está com um time fraco nessa temporada. Mas é fato também que é um adversário com camisa, tradição e jogava em casa.

  2. Boa tarde !

    Acompanho o retrospecto e gosto muito .

    Faço uma pergunta: O Corinthians não marcou 47 gols esse ano ?

    Inclusive, se contar os gols dos placares e dos artilheiros, é esse número que dá e não 44

    • Giba, você tem razão.
      Muito obrigado pelo toque.
      Como não tenho nada automatizado, fico às vezes sujeito a erros como este que você apontou.
      Grande abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *