Jogo 4.451: Corinthians e Real Madrid empatam em jogo eletrizante

realmadrid2 x 2     corinthians

Corinthians e Real Madrid protagonizaram um eletrizante empate por 2 x 2 no início da noite de 7 de janeiro de 2000, uma sexta-feira, no Morumbi.

Antes do duelo, sabe-se lá por que cargas d’água, um dirigente do Real resolveu brincar de Roberto de Andrade ou Fernando Carvalho e se pôs a falar bobagem. Numa conversa com a imprensa, resolveu menosprezar o talento de Edílson.

A resposta do Capetinha veio em campo, com a bola nos pés. Antes, porém, em meio a oportunidades claras de gol para os dois lados, o atacante francês Anelka, na época a grande revelação do futebol europeu, abriu o placar aos 19 minutos de jogo. Mas o Corinthians jogava bem e aos 28 Edílson empatou.

No segundo tempo, o Timão voltou com tudo para cima do Real Madrid. Até que, aos 19, Edílson fez mágica. O atacante chegou à entrada da área com a bola dominada, passou-a no meio das pernas do zagueiro Karembeu e fuzilou as redes defendidas por Casillas. Um golaço à altura da qualidade daquele jogo.

Alguns minutos depois, no entanto, Anelka voltou a marcar. Aos 36, o Real Madrid ainda teve a seu favor um pênalti cometido por Fábio Luciano em Sávio. Anelka foi para a bola e Dida defendeu.

O empate por 2 x 2 deixou para a terceira rodada do Grupo A a decisão entre os dois clubes por uma vaga na final do Mundial de Clubes da Fifa.


Ficha técnica

REAL MADRID 2 X 2 CORINTHIANS

Data: 07/01/2000
Local: Morumbi – São Paulo (SP)
Árbitro: William Mattus Veja (Costa Rica)
Gols: Anelka, aos 19, e Edílson, aos 28 minutos do 1º tempo; Edílson, aos 18, e Anelka, aos 25 minutos do 2º tempo.
Real Madrid: Casillas; Salgado, Hierro, Karembeu e Roberto Carlos; Redondo, Guti (Morientes), Geremi (McManaman) e Raúl; Anelka e Sávio. Técnico: Vicente Del Bosque.
Corinthians: Dida; Índio, João Carlos, Fábio Luciano e Kléber; Rincón, Vampeta (Edu), Ricardinho (Marcos Senna) e Marcelinho; Edílson e Luizão (Dinei). Técnico: Oswaldo de Oliveira.


Contra o Real Madrid |
O Corinthians no Morumbi |
No Mundial de Clubes de Fifa |
Sob o comando de Oswaldo de Oliveira |
Confira a página especial do Retrospecto Corinthiano dedicada aos títulos mundiais mosqueteiros |
Post publicado em 6 de janeiro de 2017.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *