Jogo 4.452: Timão bate Al-Nasr e vai à final do Mundial de Clubes da Fifa

alnasr 0 x 2 corinthians

O Corinthians classificou-se para a decisão do Mundial de Clubes da Fifa do ano 2000 depois de derrotar o Al-Nasr, da Arábia Saudita, por 2 x 0 na terceira e última rodada da primeira fase da competição. Mas bem ao contrário do que poderia se esperar, o time saudita impôs dura resistência e a vitória corinthiana foi suada.

O Timão disputava a vaga na decisão com o Real Madrid, que muito se queixou pelo fato de a Fifa não ter marcado os dois jogos para o mesmo horário. Numa espécie de preliminar, o Real derrotou o Raja Casablanca por 3 x 2 em seu compromisso, somando sete pontos no Grupo A. Com o resultado, o Corinthians precisava derrotar o Al-Nasr por uma diferença de pelo menos de dois gols. Se o Timão vencesse por apenas um gol de diferença, o Real disputaria a final.

Eis que o o Al-Nasr aproveitou-se do nervosismo corinthiano e chegou a ameaçar o gol de Dida antes de Ricardinho abrir o placar aos 24 minutos. O gol acalmou um pouco o time, que pecava muito nas finalizações.

Na volta para o segundo tempo a ansiedade persistia. Para piorar, por pouco o Corinthians não sofreu o empate no início da etapa complementar. Da metade do segundo tempo em diante, o Timão simplesmente encurralou o Al-Nasr no campo de defesa, mas a bola não entrava.

E enquanto o ataque desperdiçava oportunidades claras, Rincón apenas olhava de longe. Os mais de 50 mil corinthianos que lotavam o Morumbi naquela noite de segunda-feira estavam já com o coração na mão quando, aos 34 minutos, Luizão recebeu de Dinei e passou a bola para Rincón dentro da área, numa troca rápida de passes. Um pouco de espaço foi suficiente para o colombiano fuzilar  de primeira e colocar o estádio abaixo.

Com a vitória, o Corinthians classificou-se para a decisão contra o Vasco da Gama. O Real Madrid disputou o terceiro lugar com o Necaxa, do México, deixando para trás o Manchester United, que semanas antes derrotar o Palmeiras na disputa da copa jipe no Japão.


Ficha técnica

Al-Nasr: Babkr Al-Khojali; Harthi, Sharify, Al-Shokia; Al-Husseini (Al-Janoubi), Al-Mousa, Al-Karni, Al-Amin, Al-Dosari (Triki); Saib (Al-Mehalel), Bahja. Técnico: Milan Zivadinovic.

Corinthians: Dida; Daniel, João Carlos (Adilson), Fábio Luciano, Kléber; Rincón, Vampeta (Dinei), Ricardinho (Edu), Marcelinho Carioca; Edílson, Luizão. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

Local: Morumbi – São Paulo (SP)
Data: 10/01/2000
Árbitro: Dick Jol (Holanda)
Gols: Ricardinho, aos 24 minutos do primeiro tempo; Rincón, aos 34 do segundo tempo.


Contra o Al-Nasr |

Confira a página especial do Retrospecto Corinthiano dedicada aos títulos mundiais mosqueteiros |

Post publicado em 6 de janeiro de 2017.


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *