Jogo 5.759: Corinthians fica no zero com o Atlético-PR em Itaquera

corinthians 0 x 0 atleticopr

O Corinthians ficou no zero com o Atlético Paranaense na noite deste sábado em Itaquera em um jogo de pouco brilho.

O técnico Osmar Loss tentou uma escalação diferente, mas a falta de entrosamento falou mais alto.

Pedrinho foi caçado em campo com a conivência do árbitro Péricles Bassolz, que permitiu ao Atlético-PR bater como bem entendesse para parar o jogo.

Foi o vigésimo empate da história do confronto entre Corinthians e Atlético-PR, sendo também o terceiro empate em quatro jogos disputados em Itaquera.

Somando a violência do adversário à falta de criatividade alvinegra na noite de hoje, dois pontos perdidos em casa para um time que não estaria na zona do rebaixamento se corresse todo jogo como correu hoje.


| Contra o Atlético-PR |
O Corinthians em 2018 |
Pelo Campeonato Brasileiro |
Em Itaquera |
Sob o comando de Osmar Loss |
O Corinthians em 107 anos de história |


One thought on “Jogo 5.759: Corinthians fica no zero com o Atlético-PR em Itaquera

  1. O Corinthians foi campeão brasileiro em 2015 e em janeiro de 2016 o time já estava desmanchado. Depois, o Tite foi pra seleção da CBF e levou comissão técnica e parte do departamento médico. Mesmo assim, o Timão voltou a ser campeão brasileiro em 2017. Em 2018; o time voltou a ser desmanchado depois de conquistar o Paulista, o Carille foi embora e também levou junto a comissão técnica e parte da preparação física. É muito difícil recompor um time nessas condições. Mesmo assim, o Corinthians vem superando as dificuldades. O empate sem gols, jogando em casa contra um adversário da zona de rebaixamento é reflexo dessas dificuldades. Comissao técnica, zaga, meio de campo e ataque estão desfigurados em relação ao que eram no fim do ano passado e também na decisão do Paulista. Tudo indica que daqui até o fim do ano o time vai apresentar más e boas surpresas. Se depender da Fiel, muitas boas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *