Jogo 123: Corinthians e Flamengo enfrentam-se pela primeira vez na história

flamengo 1 x 2 corantigo6

Há cem anos, quando enfrentaram-se pela primeira vez, ainda não era possível prever que o futebol se transformaria no grande esporte das massas no Brasil. E nem que Corinthians e Flamengo se tornariam os dois clubes de maior torcida do país.

A história deste que tornou-se um dos maiores clássicos do futebol começou em 1º de dezembro de 1918. Já com dois títulos paulistas na bagagem, o Timão do Povo pegou a estrada para seu primeiro jogo fora do Estado de São Paulo. O adversário, o Clube de Regatas Flamengo, mandou o jogo em sua primeira casa, o campo da Rua Paysandu.

rua-paysanduAssim como o Corinthians, o Flamengo também havia conquistado em meados da década de 1910 seus primeiros dois títulos estaduais.

O Timão foi a campo com Medaglia no gol, Nando e Gano na zaga, Ciasca e César Nunes nas laterais, Amílcar como médio-volante e o ataque formado por Américo, Garcia, Bororó, Neco e Rogério.

Carlos Araújo abriu o placar para os donos da casa aos 23 minutos de jogo, mas o histórico ídolo corinthiano Neco igualou o marcador aos 38. Amílcar virou para o Corinthians aos 20 da etapa complementar. Cinco minutos depois, Bororó teve a chance de ampliar, mas desperdiçou o pênalti assinalado pelo árbitro Frederico Ávila Mello.

A vitória corinthiana fora de casa foi o pontapé inicial de um dos clássicos mais equilibrados, disputados e charmosos do futebol nacional, em confrontos protagonizados por craques como Zico, Sócrates, Júnior, Neto, Claudio, Dida, Romário, Marcelinho Carioca, Neco, Evaristo de Macedo e tantos outros grandes nomes do futebol mundial.

Além de São Paulo e Rio de Janeiro, cidades brasileiras como Limeira (SP), Niterói (RJ), Manaus (AM), Londrina (PR), Campo Grande (MS), Cuiabá (MT) e Taguatinga (DF), além de Guayaquil, Manágua e Ciudad de Guatemala no exterior, ofereceram estádios quase sempre lotados para que seus torcedores acompanhassem confrontos repletos de gols e emoção.

Na única vez até hoje em que decidiram um título em confronto direto – a Supercopa do Brasil de 1991 -, o Corinthians levou a melhor.


| Confira o retrospecto corinthiano contra o Flamengo |


 *Texto redigido originalmente em 27 de novembro de 2018 por ocasião do aniversário de 100 anos do clássico entre Corinthians x Flamengo com base em informações do Almanaque do Timão.


One thought on “Jogo 123: Corinthians e Flamengo enfrentam-se pela primeira vez na história

  1. Vi três partidas inesquecíveis entre Corinthians e Flamengo. Uma foi aquela em que perdemos no Pacaembu e o Romário fez dois golaços, um deles naquele famoso elástico no Amaral. Foi uma bosta perder, mas foi bonito ver como o Baixinho sabia fazer gol. Ele tinha que ter jogado no Corinthians, sempre foi o meu sonho ver o Romário com a camisa corinthiana. Outro jogo foi também no Pacaembu, quando o Casagrande vestia a 9 do time adversário. O Pacaembu inteiro passou o jogo gritando “el el el, Casão é da Fiel”. Timão venceu por um a zero e o Casão não jogou nada. Depois da partida, ele disse às emissoras de rádio que tinha se emocionado com os gritos da Fiel e não conseguiu se concentrar no jogo. Foi muito legal. O Casão sempre foi nosso. Um dos meus maiores ídolos do Corinthians. Mas a melhor lembrança foi em 84, nas quartas de final do Brasileiro. O Corinthians havia perdido por 2 a zero no Maracanã e o Flamengo veio a SP cheio da pose. Os cariocas tinham aquele esquadrão com Zico (que acabou não jogando), Adilio, Junior, Andrade. Mas o Corinthians tinha a Fiel lotando o Morumbi e nas quatro linhas estavam Sócrates, Zenon, Casão, Ataliba, Biro-Biro… 4 a 1 pro Corinthians, fora o show de bola. A Fiel comemorou como se fosse um título. Foi um dos jogos mais lindos que eu vi na minha vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *