Jogo 5.688: Pensa num recorde… O Corinthians quebrou!

corinthians 3 x 1 sportrecife

Pensa num recorde qualquer… O Corinthians quebrou!

Nunca antes na história um time terminou o primeiro turno de um Campeonato Brasileiro invicto.

Nunca nenhum time fez 47 pontos nas primeiras 19 rodadas na era dos pontos corridos.

E isto porque quatro pontos foram surrupiados em lances capitais contra Coritiba e Flamengo.

E enquanto a invencibilidade em 2017 sobe a 34 partidas com a vitória por 3 x 1 sobre o Sport na noite deste sábado em Itaquera, o Corinthians de Fábio Carille chega a 50 partidas no ano tendo vencido 62% dos jogos que disputou.

Que sigam o vice-líder, porque pra seguir o líder tá ficando cada vez mais difícil…

Vai, Corinthians!


 | Artilheiros do jogo: Guilherme Arana, Rodriguinho e Pedro Henrique |
| Contra o Sport Recife |
O Corinthians em 2017 |
Em Itaquera |
Na história do Campeonato Brasileiro |
Sob o comando de Fábio Carille |
O Corinthians em 106 anos de história |


5 thoughts on “Jogo 5.688: Pensa num recorde… O Corinthians quebrou!

  1. Quando fiz 40 anos o Corinthians tinha acabado de retornar da segunda divisão, tinha 4 títulos brasileiros, não tinha estádio e nem CT de primeiro mundo. Já tinha me conformado em somente torcer pelo Corinthians, sem criar muitas expectativas. Nunca imaginei que o melhor estava por vir! Campeão da Libertadores, mundial ganhando do Chelsea, e agora quebrando os maiores recordes, nacionais e do próprio clube, recordes das incríveis equipes que Timo possuía na década de 30 e 50, que não foram campeões brasileiros, das Américas e mundial por não existirem ainda esses campeonatos. Ao contrário dos nossos maiores adversários, que gostam de títulos inventados e enviados por fax, todos os nossos foram conquistados dentro do campo e com as devidas chancelas, sem tradições inventadas. Agora seremos os maiores campeões nacionais.

  2. Alguma vez algum time fez mais gols do que faltas num jogo? No domingo, aconteceu. Três gols e duas faltas. Será mais um recorde? Muitas coisas chamam a atenção nesse time treinado pelo Carille. Mas gostaria de destacar o fato de que os jogadores continuam subindo de produção. Exceção feita, é claro, aos irrecuperáveis MG e GA. Os laterais Fagner e Arana estão comendo a bola. Pedro Henrique cresceu muito nos últimos jogos. Balbuena, que já foi banco, hoje é um verdadeiro xerife na zaga. Cassio voltou aos velhos tempos da Libertas e do Mundial de 2012. Gabriel sempre foi um excelente marcador, mas fazia umas faltas exageradas. Pois corrigiu essa falha. Maycon ganhou confiança e nos últimos jogos foi um dos destaques do time. Rodriguinho, depois de uma fase ruim após a volta da seleção, está comendo a bola novamente, com dois golaços em dois jogos. Claysson vem mostrando que tem potencial para ser um grande jogador. Jô é o artilheiro do campeonato e não precisa falar mais nada. Tá bom ou quer mais? Sem falar do Pablo e Jadson, que estão contundidos e antes disso já vinham jogando muito, mas muito mesmo. E o Romero, o carregador de piano do time, finalmente caiu nas graças da Fiel. E tem a molecada da base que tá sendo preparada pra uma hora ser titular, como Pedrinho, Carlinhos, Leo Príncipe, Mantuan, Leo Santos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *