Jogo 5.359: Corinthians bate Chelsea e sagra-se bicampeão mundial de clubes

corinthians 1 x 0 chelsea

O gigante Cássio fechou o gol, o atacante Guerrero manteve a eficiência ao marcar seu sexto gol em sete partidas e o Corinthians sagrou-se bicampeão mundial de clubes da Fifa ao derrotar o Chelsea por 1 x 0 neste domingo no Estádio Internacional de Yokohama.

Cássio levou a bola de ouro pela atuação impecável sob as traves. O peruano Guerrero ficou com a bola de bronze merecidamente, por ser o autor dos gols das duas vitórias mosqueteiras no Japão. Mas, independentemente de quem tenha se destacado, esse título mundial não pertence a um jogador específico, mas a um time, a uma torcida, a seu povo. Pertence a cada torcedor que largou o emprego, vendeu o carro, deixou a família, que atravessou o mundo, que acordou cedo ou nem dormiu.

Depois de cinco títulos consecutivos europeus, depois do vexame do Santos no ano passado, o Corinthians interrompeu a sequência e tornou-se o primeiro time sul-americano a conquistar dois mundiais da Fifa. Só o Corinthians e o Barcelona do Lionel Messi têm essa marca.

A Fiel lotou as arquibancadas do Estádio Internacional de Yokohama e dali enviou sua mensagem. O Corinthians joga sempre em casa, aonde quer que vá. Sua casa é o mundo.


Artilheiro do jogo: Paolo Guerrero |
Contra o Chelsea |
O Corinthians em 2012 |
No Mundial de Clubes de Fifa |
| No Estádio Internacional de Yokohama |
Sob o comando de Tite |
| O retrospecto corinthiano contra clubes ingleses |
| O retrospecto corinthiano em solo japonês |
O Corinthians na história |

Confira a página especial do Retrospecto Corinthiano dedicada aos títulos mundiais mosqueteiros |


Assista a seguir ao vídeo do Retrospecto Corinthiano sobre a vitoriosa campanha do bicampeonato mundial.


FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 1 X 0 CHELSEA

Local: Estádio Internacional de Yokohama, Japão
Data: 16 de dezembro de 2012 (domingo)
Horário: 8h30 (de Brasília)
Público: 68.275 pagantes
Árbitro: Cüneyt Çakir (TUR)
Assistentes: Bahattin Duran (TUR) e Tarik Ongun (TUR)

CORINTHIANS
Cássio; Alessandro, Chicão, Paulo André e Fábio Santos; Ralf e Paulinho; Jorge Henrique, Danilo e Emerson (Wallace); Guerrero (Martínez). Técnico: Tite.

CHELSEA
Cech; Ivanovic (Azpilicueta), Cahill, David Luiz e Ashley Cole; Ramires e Lampard; Moses (Oscar), Juan Mata e Hazard (Marin); Fernando Torres. Técnico: Rafael Benítez.

Gol: Guerrero, aos 23 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Jorge Henrique (Corinthians); Cahill e David Luiz (Chelsea).
Cartão vermelho: Cahill (Chelsea).


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *