Jogo 5.458: Timão estreia em Itaquera com derrota para o Figueirense

0 x 1

A Fiel, como sempre, fez sua parte e lotou o novo estádio para a estreia do Corinthians em sua nova casa. E o time, como tem sido habitual nos últimos meses, decepcionou uma torcida que vem pagando os olhos da cara para assistir a um futebol de quinta categoria.

Era o confronto do pior ataque com a melhor defesa deste início de Campeonato Brasileiro. Era só ter calma e colocar a bola no chão. Mas falta técnico, falta time, falta bastidor.

O árbitro “sorteado” foi a pior opção possível, provavelmente com dedo de Del Neros e Marins da vida. Jaílson Macedo Freitas é a encarnação do anticorinthianismo. Ele justificou a fama em campo, mas esteve longe de ser o responsável.

Mano escalou mal o time, que entrou nervoso e simplesmente não conseguiu se acalmar. Alguns jogadores parecem entrar em campo em estado de confusão mental permanente.

O adversário fez o gol, ficou na dele e nada de o Corinthians reagir. O nome do autor do primeiro gol na Arena Corinthians? Giovanni Augusto.

Na verdade, nem tem muito o que comentar – apenas esperar a ação do imponderável para mudar as coisas no clube.


Contra o Figueirense |
O Corinthians em 2014 |
Em Itaquera |
Na história do Campeonato Brasileiro |
Sob o comando de Mano Menezes |
O Corinthians na história |


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *