Jogo 5.110: Timão empata com Flu e avança à semifinal da Copa do Brasil

fluminense 2 x 2 corinthians

Depois de mais de um ano e meio sem jogar no Maracanã, o Corinthians terminou na noite desta quarta-feira sua miniturnê pelo Rio de Janeiro com um empate por 2 x 2 com o Fluminense, garantindo assim presença na semifinal da Copa do Brasil, fase na qual voltará à Cidade Maravilhosa para enfrentar o Vasco da Gama.

O Timão dominou a partida durante quase o tempo inteiro. Chicão bateu com perfeição falta sofrida por Jorge Henrique e abriu o placar logo aos 7 minutos de jogo. Aos 16, Jorge Henrique concluiu de joelho um lançamento perfeito de Dentinho e abriu 2 x 0 para o Corinthians.

O alvinegro dominava plenamente a partida e foi para o intervalo com um placar agregado de 3 x 0. O time voltou para o duelo num ritmo bem mais lento. E o Fluminense, precisando de quatro gols, começou a sair mais para o jogo na etapa complementar.

Entre os 16 e os 21 minutos a trupe mosqueteira sofreu um apagão e permitiu o empate do Fluminense na partida. O time carioca tentou botar sufoco, mas o Corinthians logo recuperou a consciência e passou a tocar a bola. Teve até chances para ampliar, mas o empate garantiu a classificação corinthiana para a semifinal da Copa do Brasil pela sexta vez na história.

Espantosa a complacência do árbitro gaúcho Carlos Eugênio Simon com as botinadas do Fluminense. Enquanto os atletas corinthianos não podiam nem encostar nos tricolores, os cariocas podiam bater à vontade – e impunemente.

Encerradas as quartas-de-final da Copa do Brasil as semifinais ficaram assim: Corinthians x Vasco; Internacional x Coritiba. A ordem dos mandos dos jogos será definida em sorteio pela CBF.

Esta será a segunda vez na história que Corinthians e Vasco se enfrentarão pela Copa do Brasil. O primeiro confronto entre os dois clubes também valeu pelas semifinais, mas da edição de 1995.

Na ocasião, o Timão venceu o jogo de ida, no Maracanã, por 1 x 0, gol de Marcelinho Carioca no fim da partida. Na volta, disputada no Pacaembu, goleada corinthiana por 5 x 0, com direito a três gols de Viola, entre eles o centésimo do atacante com o manto alvinegro. Na final, o Timão sagrou-se campeão em cima do Grêmio.

Corinthians e Vasco se enfrentarão agora numa situação bem diferente. Depois de atravessar o inferno, o Corinthians foi recentemente campeão paulista invicto. O Vasco, por sua vez, atravessa seu próprio purgatório. O tradicional clube carioca disputa atualmente a Série B do Campeonato Brasileiro.

A exemplo do Corinthians na Copa do Brasil de 2008, quando estava na Série B e por pouco não ganhou a Copa do Brasil, o Vasco é um time imprevisível e vem para a semifinal deste ano na condição de franco atirador e em busca de autoafirmação.

É um espelho invertido da situação do ano passado, quando o Corinthians pegou o Botafogo como azarão e foi para a final com o Sport. Para chegar à decisão em 2009, o Corinthians terá de ter em mente sua própria história recente e enfrentar o Vasco com garra e respeito. Mas o técnico Mano Menezes deve ter como resolver isso sem muito problema.


Artilheiros do jogo: Chicão e Jorge Henrique |
Contra o Fluminense |
O Corinthians em 2009 |
Pela Copa do Brasil |
| No Maracanã |
Sob o comando de Mano Menezes |
O Corinthians na história |


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *