Jogo 5.892: São Paulo aproveita a Avenida Sidcley e vence nos acréscimos

2 x 1

O São Paulo venceu o Corinthians por 2 x 1 em mais um Majestoso horrível de se assistir.

E jogo feio é aquela coisa: quem ganha pelo menos comemora e quem perde amarga a indigestão no almoço dominical.

Hernanes abriu o placar para o São Paulo aos 13 minutos em uma falta batida com efeito, enganando Cássio.

Mesmo jogando mal, o Corinthians empatou aos 35, em uma bola esticada para Ramiro, que ganhou na corrida e tocou na saída de Tiago Volpi.

O segundo tempo seguiu modorrento até os acréscimos. O São Paulo chegou à vitória aos 46, com Brenner aproveitando os fundos da indefensável Avenida Sidcley para cabecear no canto e marcar.

E de tanto se esforçar, Tiago Nunes finalmente conseguiu conduzir o Corinthians a sua primeira derrota em clássicos sob seu comando.

Não bastasse a péssima qualidade técnica do Majestoso, o horário da partida é de uma estupidez típica da cartolagem tupiniquim.

Marcar um jogo para as 11h da manhã em um país tropical beira a crueldade com os profissionais envolvidos – e com os torcedores que usam o futebol como ópio em tempos da pandemia.


Artilheiro do jogo: Ramiro |
| Contra o São Paulo |
O Corinthians em 2020 |
| No Morumbi |
| Sob o comando de Tiago Nunes |
| Na história do Campeonato Brasileiro |
| O Corinthians com portões fechados |
O Corinthians na história |


2 thoughts on “Jogo 5.892: São Paulo aproveita a Avenida Sidcley e vence nos acréscimos

  1. Não pude ver o jogo. Mas saber que o Corinthians tem 5 pontos em 15 disputados me faz pensar que 2020 tá com cara de ser uma cópia piorada de 2019. No ano passado, ainda tivemos o Paulistão. Neste, nem isso… a impressão que me passa é que o Tiago Nunes não está sabendo tirar proveito dos jogadores que tem. É fato que o elenco é fraco. Mas na média do atual futebol brasileiro, quem tem elenco melhor? Dois ou três times e olha lá… tá na hora de o Tiago mostrar serviço, fazer os jogadores que lá estão darem o seu melhor. Fazer o Luan jogar bola. Se isso não acontecer, a suspeita de que 2020 parece ser uma cópia piorada de 2019 poderá se transformar em realidade.

    • Mais preocupante, Marinho, é ler que o técnico tem gostado do ‘futebol’ apresentado pelo time. Não sei o que ele vê, mas certamente não é o mesmo jogo que a Fiel.

Comments are closed.