Jogo 5.107: Corinthians volta à Série A com atuação discreta e derrota em casa

corinthians 0 x 1 internacional

O retorno prático do Corinthians à elite do futebol nacional, na tarde deste domingo, no Pacaembu, foi pra lá de discreto. Pensando nos confrontos das quartas-de-final da Copa do Brasil contra o Fluminense, o técnico Mano Menezes escalou apenas dois titulares – o goleiro Felipe e o volante Cristian – para enfrentar o Internacional.

O ingrato atacante Nilmar – aquele jovem que passou mais de um ano no estaleiro, tratou-se no clube, rompeu o contrato e ainda teve a cara-de-pau de processar o Corinthians – marcou um golaço no início do primeiro tempo, garantindo a vitória dos Chorões Vermelhos do Paralelo 30 pela contagem mínima. O resultado acabou com uma invencibilidade mosqueteira de 26 jogos no Pacaembu.

Como era de se esperar, o time pra lá de misto colocado em campo mostrou desentrosamento e falta de objetividade.

Apesar do conjunto da obra, o volante Jucilei fez uma boa estreia. Ele veio do J. Malucelli, o Corinthians Paranaense. Chegou ao Timão há apenas alguns dias e mostrou personalidade e disposição.

Quanto a priorizar a Copa do Brasil, o raciocínio de Mano Menezes parece correto. O jogo de hoje mostrou que o Corinthians é carente de banco. O Brasileirão é um campeonato longo e é possível recuperar a situação mais adiante.

Como o objetivo do clube é disputar a Libertadores no ano de seu centenário, a Copa do Brasil – caminho mais curto, mas nem por isso mais fácil – é a competição a ser priorizada no momento.

É preciso preservar o time titular, que tem demonstrado força e consistência, para a disputa do torneio mata-mata. Assim como é preciso contratar reforços, pois o Campeonato Brasileiro assim exigirá quando vierem os ganchos e as lesões.


| Contra o Internacional |
O Corinthians em 2009 |
| Na história do Campeonato Brasileiro |
No Pacaembu |
Sob o comando de Mano Menezes |
O Corinthians na história |


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *